Categoria: ARTIGOS

ACOMPANHAMENTO TERAPÊUTICO NO ENVELHECIMENTO: SUBVERTENDO AS LÓGICAS DE EXCLUSÃO- Maira H Peixeiro

  Este trabalho foi apresentado no VI CONGRESO IBEROAMERICANO DE PSICOGERONTOLOGIA LA PAZ – BOLÍVIA- 2015 Formando parte da mesa:  O ACOMPANHAMENTO TERAPÊUTICO NO ENVELHECIMENTO ACOMPANHAMENTO TERAPÊUTICO NO ENVELHECIMENTO: SUBVERTENDO AS LÓGICAS DE EXCLUSÃO Maíra Humberto Peixeiro GER-ACÕES– São Paulo – Brasil     RESUMO:    O dispositivo clínico do acompanhamento terapêutico surgiu no campo da saúde […]

O TRAUMÁTICO NA ENTRADA NA VELHICE- Maíra Humberto Peixeiro

Este trabalho foi apresentado no VI CONGRESO IBEROAMERICANO DE PSICOGERONTOLOGIA LA PAZ – BOLÍVIA- 2015 O TRAUMÁTICO NA ENTRADA NA VELHICE- Maíra Humberto Peixeiro   GER-AÇÕES  – São Paulo – Brasil Na clínica do envelhecimento nos deparamos cotidianamente com o impacto da constatação da entrada na velhice. Inaugura-se um momento de crise psíquica que pode levar […]

“ES MEJOR OLVIDAR(SE): reflexiones sobre demencia.” Delia Catullo Goldfarb

“ES MEJOR OLVIDAR(SE): reflexiones sobre demencia.”   DELIA CATULLO Goldfarb   RESUMEN: Este artículo hace una síntesis del desenvolvimiento histórico del concepto de demencias. Aborda la causalidad, la complejidad del diagnóstico, aspectos descriptivos y sociales de la temporalidad, de la memoria y del fenómeno demencial. Palabras claves: Alzheimer, Demencias, Memoria, Psicoanalise.     En 1990, […]

É MELHOR ESQUECER: REFLEXÕES SOBRE A MEMÓRIA E O FENÔMENO DEMENCIAL – Delia Catullo Goldfarb

“É MELHOR ESQUECER” Reflexões sobre a memória e o fenômeno demencial [1] DELIA CATULLO GOLDFARB Publicado em: Complexidade: velhice e envelhecimento. Beltrina Corte, Elisabeth Mercadante e Irene G Arcuri. São Paulo: Vetor 2005, p. 185-206.   RESUMO: Este artigo traz uma síntese do desenvolvimento histórico do conceito de demências partindo do estudo da questão da […]

TRABALHO VOLUNTÁRIO COMO PROMOÇÃO DE INTEGRAÇÃO SOCIAL DO IDOSO – Maria Cristina Dal Rio

TRABALHO VOLUNTÁRIO COMO PROMOÇÃO DE INTEGRAÇÃO SOCIAL DO IDOSO MARIA CRISTINA DAL RIO 1º PRÊMIO BANCO REAL TALENTOS DA MATURIDADE, CATEGORIA MONOGRAFIA, DEZ/2001.     SUMÁRIO INTRODUÇÃO ………………………………………………………………02 1.Aposentadoria, Velhice, Trabalho Voluntário ……………………………….04   O exercício do Trabalho Voluntário ………………………………………………………..16       CONSIDERAÇÕES FINAIS ………………………………………………………………….27       BIBLIOGRAFIA ……………………………………………………………………………………29   1.   INTRODUÇÃO   […]

HISTORIA DA LUTA PELOS DIREITOS SOCIAIS DOS IDOSOS 
- Maria Alice Nelli Machado

História da luta pelos direitos sociais dos idosos 
 Maria Alice Nelli Machado[1]   As lutas pelas garantias de direitos dos idosos no Brasil se inscrevem em um    momento de grande transição na sociedade brasileira, em que os mais diversos segmentos sociais passam a expressar de forma organizada suas demandas. Os movimentos e forças sociais […]

CORPO E TEMPORALIDADE: CONTRIBUIÇÕES PARA UMA CLÍNICA DO ENVELHECIMENTO Delia Catullo Goldfarb

Dados para citação: Revista Kairós – Gerontologia , Ano 1 n. 1. Educ, SP, 1998-   CORPO E TEMPORALIDADE: CONTRIBUIÇÕES PARA UMA CLÍNICA DO ENVELHECIMENTO   Delia Catullo Goldfarb   .   RESUMO: As limitações corporais e a consciência de finitude são problemáticas fundamentais no processo de envelhecimento e aparecem de forma reiterada no discurso […]

ME CHAMEM DE VELHA – Eliane Brum

    ME CHAMEM DE VELHA   ELIANE BRUM  Na semana passada, sugeri a uma pessoa próxima que trocasse a palavra “idosas” por “velhas” em um texto. E fui informada de que era impossível, porque as pessoas sobre as quais ela escrevia se recusavam a ser chamadas de “velhas”: só aceitavam ser “idosas”.  Pensei: “roubaram […]