Cuidar Melhor e Evitar a Violência — Manual do Cuidador da Pessoa Idosa
Tomiko Born [organizadora]
Brasília, 2008

tomiko_born.pdf

A presente publicação, Cuidar Melhor e Evitar a Violência – Manual do Cuidador da Pessoa Idosa, é mais um esforço da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República  SEDH/PR) para implementar o Plano de Ação para o Enfrentamento da Violência contra a Pessoa Idosa e atende as recomendações de inúmeros encontros realizados em todo o país.

Nos  ultimos anos, cresce no Brasil a consciência de que a violência contra a pessoa idosa é um problema grave e complexo e que a sua abordagem exige a formulação de várias estratégias,  conforme prevê o Plano de Ação para o Enfrentamento da Violência contra a Pessoa Idosa. A formação de cuidadores é, sem dúvida, uma delas, pois, conforme revelam estudos nacionais e internacionais sobre o tema, uma grande parte da violência contra essa população acontece dentro da família ou em Instituições de Longa Permanência para Idosos freqüentemente, por falta de preparo do cuidador.

Vários profissionais, cuidadores e pessoas idosas acompanharam de perto a formulação deste manual, participando em duas oficinas, em Brasília, e em outros pontos do território nacional.
O manual foi elaborado por profissionais com formação em Geriatria e Gerontologia que dedicaram horas preciosas de trabalho para compartilhar seus conhecimentos e sua experiência com o cuidador da pessoa idosa.

Este manual deverá ser utilizado nos cursos promovidos pelos Centros de Prevenção à Violência Contra a Pessoa Idosa, ação conjunta da SEDH/PR com Organizações Governamentais e  organizações não Governamentais. Será um instrumento que o cuidador institucional, domiciliar e familiar das pessoas idosas utilizará como um guia para proporcionar melhores cuidados, participando dos esforços para reduzir a violência contra essa população e garantir-lhe um envelhecer com dignidade.

A todos que participaram desse verdadeiro mutirão o nosso muito obrigado.

Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República